Arquivos do Mês: janeiro 2014

A importância de doar medula óssea

A importância de doar medula óssea

O transplante de medula óssea, hoje mais comumente chamado de células tronco hematopoiéticas, é um procedimento na qual se visa à correção de um defeito qualitativo ou quantitativo da medula óssea (o tecido formador de todos os elementos figurados do sangue) através da infusão de células progenitoras hematopoiéticas. A primeira tentativa ocorreu em 1939, e desde então se avançou nesta área da medicina, passando o transplante ser aceito como uma modalidade curativa para as mais diversas doenças malignas (como leucemias, linfomas e tumores sólidos) até doenças benignas (anemia falciforme, talassemia e outras). Apesar da ampla variedade de indicações, o transplante de medula óssea esbarra em um problema sério: a falta […]

Violência e sofrimente emocional

Violência e sofrimente emocional

Existe hoje em nosso País um aumento assustador das enfermidades mentais desencadeadas por Stress Pós-Traumático (SPT). Na medida em que aumentam os índices de violência, principalmente assaltos, assassinatos e transito, desencadeiam doenças emocionais pela exposição excessiva ao medo e angustia. Um dado preocupante divulgado pelo IBGE é que 20% da população entre 18 e 20 anos não trabalha, nem estuda. Justamente nesta faixa etária temos mais mortes violentas. Os pais saem para trabalhar e os filhos ficam desassistidos na rua, aumentando o consumo de drogas licitas e ilícitas e também o envolvimento com violência. Calcula-se que na morte de um jovem,  em média 10 pessoas vão entrar  num processo de […]

Cuidados com a alergia

Cuidados com a alergia

Você sabia que aproximadamente 30% da população mundial sofre de alergia? ALERGIA: Ela pode ser caracterizada por um tipo de reação indesejada do nosso organismo, quando ele entra em contato com substâncias estranhas (alérgenos), que são chamados de antígenos (pó caseiro, ácaros, epitélios e pelos de animais, mofo, penas, casca de barata, fumaças, odores fortes, entre muitos outros.). É uma herança genética, que passa de geração em geração e relacionada com a sua intensidade pode provocar doenças alérgicas. Referindo-se diretamente as alergias respiratórias, a rinite alérgica é a mais comum, atingindo a população mundial em até 20%. Sua incidência esta relacionada com fatores genéticos como citados acima, mas quando os […]