Monthly Archives: junho 2014

Copa 2014 – Riscos e legados

Copa 2014 – Riscos e legados

Com o advento da copa do mundo teremos a circulação de brasileiros e estrangeiros em vários pontos do país, aumentando o risco de transmissão de doenças infecto contagiosas prevalentes no Brasil e risco de importação de outras. Também devemos estar atentos para a possibilidade de ocorrência de doenças de transmissão pela água e pelos alimentos. O sistema de vigilância epidemiológica está orientado através de informe técnico COPA DO MUNDO FIFA 2014 como se organizar, detectar, prevenir e acompanhar casos ou surtos de doenças de notificação considerando-se os cenários estadual, nacional e internacional. – Doenças de transmissão respiratória e imunopreveníveis : gripe, doença meningocócica, doenças exantemáticas (sarampo e rubéola) e poliomielite. […]

O climatério

O climatério

O climatério é a etapa de transição na vida da mulher desde a maturidade reprodutiva (função ovariana plena) até a menopausa propriamente dita, quando a função ovariana em declínio cessa totalmente. Esta transição geralmente é lenta durando de 3 a 5 anos, ocorre em média ao redor dos 45 anos e clinicamente se manifesta, na maioria das vezes, através da irregularidade menstrual: as ovulações ficam menos frequentes e as menstruações podem ficar mais próximas umas das outras ou mais espaçadas com fluxo menstrual   mais ou menos forte. No entanto, todos os sistemas orgânicos dependentes dos hormônios femininos poderão ficar afetados dependendo da velocidade da instalação da privação hormonal, do peso, […]

Faltam médicos especialistas!

Faltam médicos especialistas!

No setor público a falta é gravíssima em algumas cidades e Estados, no setor privado (planos de saúde), começa a faltar algumas especialidades como pediatria, medicina interna e gineco e obstetrícia, que não atraem mais os recém formados. Quais as diferenças entre o setor público e privado? Na minha opinião, as leis  são feitas em Brasília, são brandas com o público e rígidas com os planos de saúde, como deve ser. A Lei do Consumidor (PROCOM) exige que as consultas com especialistas seja no máximo em 15 dias, para o público não existe LEI.Enquanto estiver vivo, fica na fila de espera, que às vezes demora 3 , 4, 5 anos. […]

Gauchismoterapia: a descoberta de um novo tratamento

Gauchismoterapia: a descoberta de um novo tratamento

Convidado pelo CTG Raizes da Querência, bairro Boa Saúde, NH, para falar da Saúde do Gaúcho, aceitei o convite. Seria mais uma oportunidade de ajudar a população na prevenção e combate de doenças prevalentes. Preparei uma pauta onde falaria de distúrbio de lipídios e doença hipertensiva. Não tendo recebido por escrito a temática, me apresentei no local e hora combinados. Surpresas sempre acontecem. No folder de divulgação constava: A influencia da dança na saúde mental do gaúcho e sua repercussão na saúde física. Taí . Após tomar um chimarrão de erva boa, não poderia fugir. Disse ao Patrão: Topo ! Sem ter me preparado, comecei a falar. Quando me dei […]

Orientações para viajar de avião

Orientações para viajar de avião

É motivo de freqüentes perguntas, o período que devemos respeitar para marcar uma passagem aérea, tendo em vista problemas de saúde. Diante deste mundo globalizado e dos constantes deslocamentos aéreos, até porque os preços estão bastante acessíveis, vamos discorrer sobre algumas condições que seria conveniente respeitar, até diante dos riscos de não existir atendimento médico formal durante os vôos, o que muitas vezes fica por conta da sorte e da boa vontade de profissionais da área da saúde que podem estar presentes ou não nos vôos. Principais orientações e restrições: – Infarto Agudo do Miocárdio não complicado: aguardar duas a três semanas para voar. Chamo atenção aqui que voar nestes […]