Outubro rosa

O movimento popular internacionalmente conhecido como OUTUBRO ROSA é comemorado em muitas partes do mundo, com o objetivo de chamar atenção para a prevenção do câncer de mama. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama.

Monumentos e locais históricos são iluminados de rosa, com a intenção de ressaltar, de modo belo e feminino, a importância da luta contra o câncer de mama.

A primeira iniciativa do OUTUBRO ROSA vista no Brasil foi a iluminação em rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista (mais conhecido como o Obelisco do Ibirapuera), em São Paulo. E, aos poucos, algumas cidades do Brasil tem iluminado de rosa alguns monumentos, como São Paulo, Santos, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Brasília, Salvador, Teresina, Poços de Caldas e outras cidades.

O importante é, na realidade, lembrar o assunto durante o ano todo, não apenas no mês de outubro. No entanto, este mês é representativo para a causa, tornando-se especial.

Aconselhamos a todas as mulheres que tenham atenção com a sua saúde, em especial, com algumas medidas dietéticas e comportamentais, como uma alimentação balanceada, evitando alimentos gordurosos, evitando ingestão de álcool em excesso, evitando obesidade, restringindo o consumo de carne vermelha, preferindo carnes de aves e peixes, além da prática de exercícios físicos e não fumar.

Após os 40 anos de idade, toda mulher deve iniciar seu controle com exames de imagem. O exame de escolha é a mamografia, capaz de detectar lesões muito iniciais. A ecografia é usada para complementação da mamografia, em casos indicados, ou para investigar anormalidades clinicamente detectadas em mulheres com menos de 30 anos. A ecografia não deve ser usada como único método de imagem para detecção do câncer de mama.

As campanhas visam a detecção precoce, o que significa altas taxas de cura.

GABRIELA SANTOS
Médica Mastologista
CREMERS 24627

Publicado no Jornal NH – 01 a 5 de outubro de 2012

Faça suas revisões periódicas!