Tag Archives: Dra. Gabriela Santos

Gravidez após câncer de mama não aumenta a chance de recidiva

Gravidez após câncer de mama não aumenta a chance de recidiva

O câncer de mama é a segunda neoplasia mais comum em mulheres com menos de 35 anos, acometendo muitas mulheres que nem se quer tiveram filhos ainda. Nas últimas décadas, tem-se observado o adiamento da gestação por mulheres das grandes cidades, talvez por reflexo das mudanças socioculturais. Muitas mulheres, entre 35 e 40 anos, que estão se preparando para gestar, descobrem um câncer de mama em exames de rotina. Então, além do medo desse diagnóstico, é como se o sonho da maternidade também fosse destruído. E, o  que se percebe é que menos de 10% destas mulheres ficam grávidas após o tratamento, no decorrer de suas vidas, talvez por falta […]

“Más notícias” – como dar?

“Más notícias” – como dar?

      Podemos definir como “más notícias” quaisquer informações que possam afetar gravemente a visão de um indivíduo sobre seu próprio futuro, a curto, médio ou longo prazo, mesmo que o tempo possa amenizar ou reverter a situação do momento. A “má notícia” pode ser câncer, mas pode igualmente ser a doença de Parkinson, artrite reumatoide, esquizofrenia, psoríase, diabetes ou qualquer outra doença que modifique a vida. Pode ser sobre uma criança que tem danos cerebrais ou uma condição congênita grave. De fato, dar uma “notícia ruim” é uma habilidade essencial para todos os médicos, pois é algo que eles vão fazer centenas, senão milhares de vezes em suas carreiras profissionais. Historicamente, […]

Mitos e verdades sobre câncer de mama

Mitos e verdades sobre câncer de mama

As pacientes questionam sobre as causas do surgimento do câncer de mama, mas infelizmente não conseguimos responder. O câncer de mama é uma doença multifatorial, provocada por mutações (mudança nos genes) nas células mamárias (formando células com quadros diferente da célula normal), podendo ser adquirida no decorrer da vida ou por transmissão genética. Ao contrário do que se pensa, o câncer de mama hereditário representa apenas 5 a 10% dos casos. Existem muitos mitos sobre o câncer de mama e suas causas. Um traumatismo (uma batida) não pode causar câncer de mama! Pode sim causar preocupação e levar à busca de atendimento médico, com realização de exames de imagem, que […]

Mamografia – indicações atuais e controvérsias

Mamografia – indicações atuais e controvérsias

Os estudos populacionais que mostraram que o rastreamento mamográfico reduz a mortalidade pelo câncer de mama foram realizados com a mamografia convencional. A mamografia digital pode detectar lesões pequenas, que ainda não são visíveis na mamografia convencional, além de ter papel relevante no estudo de mamas densas, mas sua grande desvantagem é o maior custo. Como rastreamento na população geral é adequado a realização da mamografia convencional, ficando a mamografia digital reservada para casos individualizados ou se disponível. A mamografia não detecta todos os casos de câncer de mama e a complementação diagnóstica com ecográfica e até mesmo com ressonância magnética pode ser necessária, principalmente em pacientes jovens com mamas […]

Outubro rosa

Outubro rosa

O movimento popular internacionalmente conhecido como OUTUBRO ROSA tem o objetivo de chamar atenção para a prevenção do câncer de mama. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama. O OUTUBRO ROSA teve início em 1997, na Califórnia. Inicialmente as cidades se enfeitavam com laços rosas, principalmente locais públicos, depois surgiram outros movimentos, como corridas, desfiles de moda com sobreviventes de câncer de mama e partidas de boliche. A ação de iluminar de rosa monumentos, prédios públicos, pontes e teatros surgiu mais tarde. O projeto tomou proporções mundiais, iluminando de rosa locais como a Torre de Pisa na Itália e […]

Dia Internacional da Mulher

Dia Internacional da Mulher

É uma data mundialmente vinculada às reivindicações femininas por melhores condições de trabalho, justiça e igualdade social. Mas também é um momento de reflexão sobre as conquistas e mudanças sociais conseguidas. No dia 8 de março de 1857, 129 operárias têxteis de uma fábrica de Nova Iorque entraram em greve, ocupando a fábrica, reivindicandomelhores condições de trabalho, como a redução da carga horária de 16 horas por dia para 10 horas, e a equiparação de salários com os homens, visto querecebiam menos de um terço do salário dos homens. Elas foram fechadas na fábrica, onde, entretanto, se iniciou um incêndio, e essas mulheres morreram queimadas. Em 1910, numa conferência internacional de mulheres realizada na Dinamarca, foi decidido,em […]

Câncer de Mama

Câncer de Mama

Os questionamentos sobre quais medidas poderiam diminuir o risco de câncer de mama são frequentes. As respostas baseiam-se em alguns cuidados para melhorar a qualidade de vida. Sabe-se que a obesidade é considerada um fator de risco para câncer de mama na pós-menopausa. Acredita-se que seja devido ao aumento das taxas de hormônios femininos (estrogênio), que ocorre pela transformação do hormônio produzido na suprarrenal (androstenidiona) em estrona (hormônio feminino) no tecido adiposo. Quanto mais obesa, mais formação de estrona, e maior o risco de câncer de mama. Numa pesquisa realizada com 337.000 mulheres, as obesas (IMC > 28Kg/m2) tiveram 26% mais tumores mamários. Outro estudo observou que o ganho de […]

Mitos e Verdades sobre câncer de mama

Mitos e Verdades sobre câncer de mama

As pacientes questionam sobre as causas do surgimento do câncer de mama, mas infelizmente não conseguimos responder. O câncer de mama é uma doença multifatorial, provocada por mutações (mudança do genes) nas células mamarias (formando células com padrão diferente da célula normal), podendo ser adquirida no decorrer da vida ou por transmissão genética. Ao contrario do que se pensa, o câncer de mama hereditário representa apenas 5 a 10% dos casos. Existem muitos mitos sobre o câncer de mama e suas causas. Um traumatismo (uma batida) não pode causar câncer de mama, pode sim levar a uma preocupação e a busca de atendimento medico, com realização de exame de imagem, […]

Não se pode ignorar as doenças diante da fragilidade da vida

Não se pode ignorar as doenças diante da fragilidade da vida

Uma doença sinaliza a fragilidade da vida. Diante do diagnóstico de um tumor o corpo e a mente são obrigados a se adaptar à esta nova condição. O câncer de mama, tanto o diagnóstico como seu tratamento, tem um forte impacto na vida das pacientes, interferindo inclusive nas relações familiares e sociais. O primeiro pensamento é de morte… Medo de morrer; de sofrer. De pena… Medo de sentir-se doente… Sentimentos que se confundem… Muitas pessoas ficam fragilizadas, depressivas… Outras pessoas negam a doença… É preciso encarar a doença, acreditar no tratamento, ter coragem e vontade de se curar. O câncer de mama apresenta-se como algo inesperado e ameaçador, que atinge […]